terça-feira, 31 de março de 2009

Em defesa do diploma


Jornalistas, professores e estudantes de jornalismo de Salvador realizaram ato público no final da manhã, na frente do Fórum Ruy Barbosa para chamar a atenção da população sobre a ameaça de cassação do diploma de jornalista, no julgamento que será realizado amanhã, no STF.

O processo que acaba com a obrigatoriedade do diploma para o exercício da profissão se arrasta desde 17 de de outubro de 2001 e amanhã terá o seu desfecho.



Cassar o diploma de jornalismo seria dramático para a população, porque ele significa uma formação teórica, ética e técnica do profissional para o trato com a informação.

2 comentários:

Mônica disse...

Muito bem, JÔ! Vamos torcer para que o Supremo entenda que não estamos lutando por um simples canudo de papel ou por reserva de mercado. Essa luta é bem mais ampla, pelo direito da sociedade ter uma informação de qualidade, apurada e transmitida com responsabilidade e ética. Afinal, na faculdade não aprendemos apenas a elaborar um lead.

José Bomfim disse...

É isso aí. Esta é uma luta que não para. Coloquei seu artigo no site da APLB-Sindicato (www.aplbsindicato.org.br) e vamos em frente!